• Facebook
  • Twitter
  • Instagram

ICONOGRAFIA

DA CULTURA BAHIANA

Por Pedro Franco

Fundo-Stand@4x.png

Bahia Collection

O Manifesto

Industrial x Artesanal

 

As Tramas manuais se contrapõem à grande rede da Matrix.

 

A alta tecnologia não substitui, mas dá as mãos para a artesanalidade.

 

O Design transforma-se numa plataforma que impulsiona o trabalho de artesãos e movimenta a Indústria.

 

Os produtos realçam os valores de memória afetiva realçando os arquétipos sociais.

Por Pedro Franco

tiago-celestino-k1fhzmBc92I-unsplash.jpg
cleverson-magalhaes-JfMZZqioMSU-unsplash

Criar um contraponto à grande rede da Matrix e à Inteligência Artificial.

poltrona-rendeiras-photo-marco-antonio (

Bahianas, por Tiago Celestino.

Elevador Lacerda, por Cleverson Magalhães.

Poltrona Rendeiras, design Pedro Franco.

São Paulo, julho, 2020

O conceito da nova coleção do designer Pedro Franco nasce da vontade de criar um contraponto à grande rede da Matrix e à Inteligência Artificial.

Para tanto, utiliza como base as tramas feitas à mão caracterizadas pelas RENDAS brasileiras.

Como a constante linha guia de seu trabalho, se faz presente o conceito da “Glo-calidade”

As RENDAS chegaram no Brasil por intermédio da família real portuguesa no Século XVIII. Desde então, ganhou autoralidade por meio das diferentes comunidades artesãs.  Mais que uma identidade nacional, ganhou um feitio com características regionais.

 

Hoje é possível determinar a origem de uma renda a partir do tipo de trama de seu feitio. 

Na atual coleção a Poltrona Underconstruction, transforma-se em uma plataforma para amplificação do trabalho da artesã baiana Ana Caires. Sua técnica do bordado Ponto Cruz é aplicado nas diversas tiras que compõe a poltrona. 

 

O  experimentalismo se faz presente na nova tecnologia desenvolvida, a da eternização.

Rendas garimpadas por Franco e oriundas de diversas regiões brasileiras são eternizadas em banho de cobre.

Uma eternização da iconografia local

 

Por fim, demonstrando uma convivência possível e necessária, o Aparador Renascença mostra as diversas belezas do feito com a alta tecnologia x feito a mão.

Se em uma versão o desenho da renda autoral de Pedro Franco é traduzido fielmente pelo uso da alta tecnologia de recorte a laser CNC, em outra versão ganha o improviso  e a co-criação da artesã Fafá (oriunda de Registro no interior de SP) com forte personalidade. Uma tensão saudável mostrando a beleza e a possibilidade de uma convivência harmônica entre o tecnológico e o manual.

 

img4234.jpg
Detail_PhotoHenriqueribeiro.jpg
img71.jpg

O design como uma plataforma de valores locais, manuais e industriais.

designer

Pedro Franco

É considerado um dos maiores expoentes do design brasileiro da atualidade.  Além de suas criações autorais, é fundador e diretor de arte da Indústria A Lot of Brasil, pioneira na edição e fabricação de peças em solo brasileiro assinadas por designer globais.) 


Franco vêm expressando em suas coleções as raízes brasileiras com um olhar singular.


•    Criou o conceito denominado Brasilidade industrial onde desenvolveu novas matérias primas tecnológicas e sustentáveis a partir de sementes de frutos amazônicos. 


•    Valorizando diferentes micro regiões brasileiras como Tema de suas coleções. Destaque para a Coleção Cariri (2017) Coleção Tocantins (2018) e Coleção Fernando de Noronha (2019). 


•    Com o desenvolvimento de técnicas na qual torna possível a industrialização de processos manuais. 

O designer vem demonstrando ser possível a articulação: Indústria, Design e Artesão.


Sua obra é marcada por um ETHOS emocional que procura transcender a função de uso.


Algumas peças de sua autoria são consideradas icônicas do design brasileiro, tais como a cadeira esqueleto (2012) e a Poltrona Underconstruction (2010) Veículos Importantes vêm destacando seu trabalho, tais como:  o Jornal Italiano Corriere della Sera, que o denominou como “La New Wave del Design Brasiliano”, o Jornal americano The New York Times, que inseriu a sua Poltrona Underconstruction como "Uma das 4 Tendências do Salão de Milão” e por fim, a Revista Brasileira IstoÉ, denominando-o como a "Nova Estrela do Design Brasileiro“


Participa há mais de 18 anos do maior evento mundial de design, o Salão de Milão: “Fuori Salone” (2000 a 2009), passando pelo espaço destinados a Jovens Promissores, o Salone Satellite (2010,2011,2012), até ter seu stand Próprio no Evento Principal, no qual acumula 7 participações consecutivas (desde 2013).

PedroFranco_Photo_MarcoAntonio.JPG
PedroFranco_PhotoHenriqueribeiro3.jpg

Quer saber mais?

Obrigado pelo envio!

CenterTableRaiz_Photo_HenriqueRibeiro.jp